Drywall

Qualidade Beleza e Funcionalidade em Paredes, Tetos e Revestimentos
Sistemas completos de construção á seco com reconhecida tecnologia Drywall 

Esta etapa apresenta, de forma simples e didática, todos os procedimentos para a correta instalação dos sistemas Drywall para paredes, tetos e revestimentos. Os resultados finais, em termos estéticos e funcionais, somente serão obtidos com o uso dos componentes indicados e aprovados pela Knauf, bem como com a rigorosa obediência aos procedimentos indicados e o uso correto das ferramentas adequada.



Componentes dos Sistemas
Chapas
São chapas fabricadas industrialmente mediante um processode laminação contínuade uma mistura de gesso, água e aditivos entre duas lâminas de cartão, em que uma é virada sobre as bordas longitudinais e colada sobre a outra.


Perfis metálicos
São perfis fabricados industrialmente mediante um processo de conformação contínua a frio, por sequência de rolos a partir de chapas de aço revestidas com zinco pelo processo contínuo de zincagem por imersão a quente.


Acessórios
Os acessórios Knauf são confeccionados com a mesma proteção contra corrosão dos perfis. São especialmente desenvolvidos para utilização com os sistemas Knauf, o que lhes proporciona alta performance.



Parafusos
Resistência à corrosão: os parafusos a serem utilizados para fixação dos componentes dos sistemas drywall devem possuir resistência à corrosão vermelha mínima de 48 horas na câmara alt-spray em teste de laboratório. O comprimento dos parafusos que fixam as chapas de gesso nos perfis metálicos (chapa de gesso/metal) é definido pela quantidade e espessura de chapas de gesso a serem fixadas: o parafuso deve fixar todas as camadas e ultrapassar o perfil metálico em pelo menos 10 mm. O comprimento dos parafusos
que fixam os perfis metálicos entre si (metal/metal) deve ultrapassar o último elemento metálico, no mínimo em três passos de rosca.

Profundidade do parafuso
É importante o correto posicionamento da profundidade do parafuso, não devendo entrar ou ficar para fora da chapa de drywall.


Massas para juntas 

Knauf Fastfix-BR
As massas para juntas são produtos específicos para o tratamento das juntas entre chapas de drywall, tratamento de encontros entre as chapas e o suporte (alvenarias ou estruturas de concreto), além do tratamento das cabeças dos parafusos. As massas devem ser utilizadas juntamente com fitas de papel apropriadas para juntas.



Massas para colagem - Knauf Perlfix-BR

As massas para colagem são produtos específicos para a fixação das chapas de gesso diretamente sobre os suportes verticais (alvenarias ou estruturas de concreto) e para pequenos reparos nas chapas.





Fitas

As fitas são elementos essenciais no tratamento de juntas, proporcionando, em conjunto com a massa indicada para este fim, a resistência e a elasticidade necessárias para que o acabamento se mantenha estável, sem fissuras ou trincas.



Fita para Tratamento de juntas em paredes, tetos e revestimentos 





Fita para Isolamento entre o perímetro e a estrutura

 


Fita para Proteger e reforçar os cantos vivos de parede e colunas contra impactos leves



Paredes

A montagem de paredes com os sistemas Drywall Knauf exige especial atenção aos detalhes de instalação apresentados neste passo-a-passo. Todos os procedimentos indicados são essenciais para o bom desempenho mecânico e acústico das paredes, bem como para a sua precisão geométrica e seu acabamento.


Aplicação das Guias.
Aplicação da Fita de Isolamento

Aplicação dos Montantes








Drywall é o sistema para construção de paredes e forros mais utilizado na Europa e nos Estados Unidos. Por fora, parece uma parede de alvenaria. Por dentro, Drywall é um show de tecnologia: combina estruturas de aço galvanizado com chapas de gesso de alta resistência mecânica e acústica, produzidas com rigoroso padrão de qualidade.

2. Drywall pode ser utilizado em áreas úmidas como cozinha, banheiro e área de serviço?


Sim. Para essas áreas são especificadas as chapas verdes, com proteção antifungo, resistentes à umidade. A impermeabilização deve seguir os procedimentos adotados como padrão para áreas úmidas em alvenaria.


3. Um imóvel construído com Drywall é mais fácil de vender?
Sim. Além de todas as vantagens apresentadas, a espessura das paredes em Drywall é menor que a das paredes de alvenaria, ampliando a área útil do ambiente. E a mesma flexibilidade que você desfrutará em sua casa pode ser transferida para o futuro comprador do imóvel, garantindo mais liquidez ao investimento.
 

4. É fácil personalizar um ambiente construído com Drywall?
Sim, porque a praticidade é um dos maiores benefícios do Drywall. Você pode ampliar a sala, construir o quarto do bebê, projetar o home theater, enfim, adaptar a casa de acordo com o seu momento de vida, com facilidade e economia.

5. A casa fica bonita com Drywall?
Claro. A beleza do ambiente dependerá do projeto de arquitetura e do seu toque pessoal. A qualidade do acabamento é igual ou até superior à de uma parede convencional, porém o sistema é mais racional e extremamente versátil para manutenção e futuras reformas.

6. Drywall pode receber pintura, azulejo, papel de parede ou outro tipo de revestimento?
Sim. Neste caso, o Drywall funciona exatamente como uma parede convencional, com a vantagem de oferecer uma superfície lisa e já pronta para o acabamento.

7. Drywall permite fixação de armários, estantes, quadros e suportes de TV?
Sim. Todo tipo de objeto pode ser fixado em Drywall. As lojas especializadas vendem buchas do tipo expansivas ou basculantes, que são ancoradas direto na chapa. Cozinhas e outras áreas que exigirem armários mais pesados ou suporte de TV devem ser especificadas no projeto, para que a estrutura do sistema seja reforçada.

8. Drywall é superior à alvenaria na questão do conforto térmico?
Sim. As propriedades das chapas de gesso contribuem para regular e estabilizar a temperatura. Dessa forma, o ambiente fica fresquinho no verão e quentinho no inverno.

9. Drywall oferece bom isolamento acústico?
Sim. Por isso, o sistema é utilizado nas melhores casas de shows, salas de concerto, cinemas etc. A proteção sonora de uma parede em Drywall é no mínimo igual à de alvenaria. Mas o Drywall ainda permite composições de duas ou mais chapas de gesso com lã mineral, para atender às mais exigentes especificações de isolamento acústico.

10. A manutenção é mais fácil em Drywall ou em paredes de alvenaria?
Em Drywall, pela própria natureza da tecnologia. As instalações elétricas e hidráulicas passam pelo interior das paredes, agilizando o acesso. Os reparos são facilmente executados, sem "quebra-quebra" da parede ou do piso.

11. Drywall oferece mais economia que a parede de alvenaria?
Sim, pelo uso mais racional do dinheiro. Com o projeto em mãos, você faz o orçamento e sabe exatamente o quanto vai investir, evitando gastos extras. A execução é rápida, limpa e realizada por profissionais especializados, sem desperdícios nem custos com remoção de entulho.

12. Drywall é resistente?
Totalmente. As estruturas metálicas são fabricadas em aço galvanizado para garantir a resistência do Drywall aos impactos normais do dia-a-dia. O sistema é testado em laboratório dentro dos mais rígidos critérios, para que o Drywall suporte, com toda a segurança, portas, armários, estantes etc.

13. A tecnologia Drywall já é utilizada no Brasil?            
Sim, há mais de 10 anos, pelas melhores construtoras, nos mais modernos empreendimentos residenciais e comerciais, entre eles: Teatro Poeira (RJ), Hotel Jaraguá, Fundação Getúlio Vargas (SP), Polimaia Perfumes & Cosméticos, Torre Almirante, Pro Matre Paulista, Condomínio Chácara Alto da Boa Vista, Condomínio Club Ibirapuera e Tom Brasil (SP).

14. Quais são os tipos de fixações existentes para drywall?
Quadros, prateleiras, armários, suportes para TV, vídeos e microondas são alguns dos muitos objetos e acessórios que podem ser fixados diretamente em paredes construídas nos sistemas Drywall.

Recomendações:
· Utilizar sempre ganchos e buchas próprios para Drywall (ver tipos abaixo).
· Em áreas úmidas (banheiros, cozinhas, áreas de serviço, etc.) deve haver atenção especial às instalações hidráulicas e elétricas que possam existir no interior das paredes.
· Para objetos que necessitem de mais de um ponto de fixação (prateleiras, estantes, quadros grandes, etc.) a distância mínima entre os pontos deve ser de 40 cm.
· Cargas pesadas (armários grandes, bancadas de cozinha, bancadas de banheiro, etc.) ou cargas concentradas (suportes de TV, redes de balanço, etc.) necessitam de aplicação de reforços internos nas paredes. Esses reforços, manutenções e reformas são realizados rapidamente e com qualidade pela Apoio




O Sistema Drywall 

O sistema é constituído basicamente de uma estrutura leve em perfis de aço galvanizado formada por guias e montantes, sobre os quais são fixadas placas de gesso acartonado, em uma ou mais camadas, gerando uma superfície apta a receber o acabamento final (pintura, papel de parede, cerâmica, etc).
Montada a estrutura principal, pode-se colocar uma ou mais placas, fazer tratamento acústico ou térmico, adicionar reforços necessários para sustentar armários ou pias, verificar onde serão usadas paredes especiais para umidade ou resistência ao fogo.

Terminada a montagem, a superfície resultante é uniforme, com aparência monolítica, e aceita qualquer tipo de revestimento: pintura, colagem, cerâmica, pastilhas e até mesmo pedras, como mármores.

Terminada a montagem, a superfície resultante é uniforme, com aparência monolítica, e aceita qualquer tipo de revestimento: pintura, colagem, cerâmica, pastilhas e até mesmo pedras, como mármores.

Para a isolação acústica são usadas várias placas com os seus vazios preenchidos com lã mineral. Por fim, para a fixação dos painéis, cada fabricante disponibiliza de um sistema de buchas e parafusos específico, incluindo pontos de ancoragem de cargas, que suportam até 30kg por ponto fixo.

Vantagens

• Menor espessura das paredes proporciona ganho de área útil;

• As paredes podem ter qualquer forma, e podem receber qualquer tipo de acabamento;

• São muito leves, diminuindo portanto a carga da estrutura, permitindo aadoção de estruturas mais esbeltas, com redução e supressão de algunselementos, tais como vigas sob as paredes;

• Possuem boa resistência mecânica. excelente isolamento Térmico e Acústico;

• Resistente ao Fogo, não propaga a chama;

• A facilidade de instalação reduz o tempo de execução da obra e os custos de mão-de-obra;

• Por ser uma construção seca evita perdas com massas e entulhos;

• Instalações elétricas, hidráulicas, gás, telefone e outras sãoexecutadas e testadas durante a execução das paredes, evitandoreabertura das mesmas, o que resultaria em desperdício de materiais,tempo, mão-de-obra.